A captação de recursos passa a ser uma profissão reconhecida



Sim, essa é uma grande conquista para todos aqueles que trabalham diariamente na construção de relacionamentos entre potenciais investidores sociais e projetos transformadores.

Após um belíssimo trabalho da ABCR - Associação Brasileiro de Captadores de Recursos, organização fundada em 1999 e que conta com mais de 400 associados em todo o país, a profissão de captador / mobilizador de recursos passa a constar no CBO - Código Brasileiro de Ofício, com o código 4110-55, conforme abaixo:




A notícia foi divulgada nesta quinta-feira, dia 25 de fevereiro de 2021, primeiramente a todos os associados da ABCR e, posteriormente por meio de nota da ABCR.

"Essa é uma demanda muito antiga do setor, que eu ouço falar desde que comecei a acompanhar a ABCR, ainda nos anos 2000. A partir de agora, todo e toda profissional que atuar em captação de recursos poderá ser formalmente registrada como tal, na carteira de trabalho, sem que a organização precise procurar por cargos similares", afirma João Paulo Vergueiro, diretor executivo da associação.

Trata-se de uma conquista extremamente relevante para nós, captadores de recursos, permitindo melhores condições de desempenho do trabalho, sem falar no reconhecimento público da essencialidade da atividade para o Terceiro Setor e, por conseguinte, a economia nacional.

Parabéns à ABCR por essa grande conquista! Parabéns a todos os captadores de recursos do Brasil!